Para os amigos que tenham interesse em comprar meu livro de poemas, em versão impressa e com possibilidade de pagamento através de boleto, a editora Clube de Autores esta fazendo PROMOÇÃO ESPECIAL E VENDENDO O LIVRO (PREÇO  NORMAL: 40,89) POR APENAS 33,51!

Aproveite e conheça meu trabalho poético que não é uma obra tradicional, mas um livro comprometido profundamente com a vivência concreta e arraigada no âmago da emoção e da vida. 
Abaixo uma pequena palhinha:

Solidão: 
Maldita companheira, muda e indesejada, 
Que nos insufla com tua presença 
Os mais tristonhos, ruminantes pensamentos, 
Tu, que és avó do mundo, que lá estavas 
Quando um peido quântico criou tudo, 
Por que insistes, tão pequeno sou, 
Em preocupar-se comigo e acompanhar-me? 
Esta tua cara imóvel e tediosa 
Faz mal ao meu espírito boêmio 
E azeda o vinho que sorvo contigo.  Te some, velha deusa encarquilhada! 
Se a tua visita eventual é inspiradora, 
A permanência em minha casa é insuportável. 
Vai ir morar aonde sejas útil: 
Nos cemitérios que, eu sei, te entediam, 
Na vastidão do deserto do Sahara, 
Ou com os safados que oprimem o povo! 
Para comprar acesse o link:

https://www.clubedeautores.com.br/book/227695--Paixoes_Asneiras_e_Tristezas#.WMMLIctv_qC
  • ubirajara_passosPara os amigos que tenham interesse em comprar meu livro de poemas, em versão impressa e com possibilidade de pagamento através de boleto, a editora Clube de Autores esta fazendo PROMOÇÃO ESPECIAL E VENDENDO O LIVRO (PREÇO NORMAL: 40,89) POR APENAS 33,51!

    Aproveite e conheça meu trabalho poético que não é uma obra tradicional, mas um livro comprometido profundamente com a vivência concreta e arraigada no âmago da emoção e da vida.
    Abaixo uma pequena palhinha:

    Solidão:
    Maldita companheira, muda e indesejada,
    Que nos insufla com tua presença
    Os mais tristonhos, ruminantes pensamentos,
    Tu, que és avó do mundo, que lá estavas
    Quando um peido quântico criou tudo,
    Por que insistes, tão pequeno sou,
    Em preocupar-se comigo e acompanhar-me?
    Esta tua cara imóvel e tediosa
    Faz mal ao meu espírito boêmio
    E azeda o vinho que sorvo contigo. Te some, velha deusa encarquilhada!
    Se a tua visita eventual é inspiradora,
    A permanência em minha casa é insuportável.
    Vai ir morar aonde sejas útil:
    Nos cemitérios que, eu sei, te entediam,
    Na vastidão do deserto do Sahara,
    Ou com os safados que oprimem o povo!
    Para comprar acesse o link:

    https://www.clubedeautores.com.br/book/227695--Paixoes_Asneiras_e_Tristezas#.WMMLIctv_qC

Log in to like or comment.